Frida Kahlo

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014


Hey gente!
Vocês conhecem ou já ouviram falar da Frida Kahlo? Se não, provavelmente já viram alguma foto ou ilustração dessa mexicana monosselha e bigoduda. Bom, antes de eu assistir o filme sobre a vida dela na faculdade, ela era só isso mesmo, haha! Santa ignorância. Pois bem, gostei tanto do filme e dessa pintora que resolvi fazer um post indicando pra vocês assistirem ^^


A Frida nasceu em 1907 (e morreu em 1954) em uma pequena cidade do México. A vida dela foi uma verdadeira desgraça, cheia de doenças e traições, o que me incomodou bastante e me fez chegar a conclusão de que "sofrida" foi uma homenagem a ela (sou frida, haha) ou então tudo o que aconteceu de errado foi culpa da mãe dela, que deu esse nome e veio todo o sofrimento.


Resumindo, ela teve poliomielite quando criança e ficou manca, sofreu um baita de um acidente andando em um bonde (uma das cenas mais lindas do filme), onde uma barra de metal atravessou suas costas e saiu pela sua, hã, seu orgão sexual feminino, ok?  o que ferrou com a vida dela, já que ela teve que fazer mil tratamentos e usar mil coletes, ficando de cama por um bom tempo. Mas, nossa queria Kahlo deu a volta por cima e transformou todo esse sofrimento e essa desgraça em arte.


Pois é. Não seria exagero nenhum achar que a dor é que inspirava a pintora, já que nos momentos mais tristes da vida dela, ela pintava e colocava todas as suas emoções na tela, o que a diferenciou dos outros artistas, que retratavam apenas o que viam ou faziam trabalhos sob encomenda. 


Mas, já que desgraça pouca é bobagem, ela ainda inventou de casar com o Diego, um artista e comunista da época, que ela já sabia que não prestava e o moço ainda deixou bem claro que ia traí-la. Pronto, não preciso nem dizer né? Ele pegou a população inteira da China e, acreditem, até ela fez a festa com algumas mulheres que passaram pelo marido antes, deixando claro que ela não se preocupava em se envolver sexualmente só com homens, mas também com mulheres (atraentes). 


E eu vou parar de contar o filme pra vocês, afinal, sou craque em spoilers! Mas sério, não deixem de assistir, o filme é maravilhoso, com figurinos e fotografias perfeitas! Uma das coisas que mais me encantaram é que os quadros surgem nas cenas, mostrando o que a Frida estava vivendo e sentindo quando pintou a tela!


Já assistiram? O nome do filme é Frida Kahlo mesmo e é de 2002 mas é bem atual! Espero que vocês gostem e queiram esfaquear o Diego, assim como eu

Haha, beijos e voltem que amanhã tem mais ;*

9 comentários:

  1. AMO ESSA MONOSSELHUDA HAHAHHA' <3 Ela é uma artista incrivel

    http://www.rayneon.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Já tinha ouvido falar mas ainda não conhecia a história dela. Acabou de servir de inspiração pra mim. As vezes, ficamos pra baixo por cada coisinha boba, né? E olha o sofrimento dessa moça e a garra que ela teve pra superar tudo e se tornar uma grande artista <3 <3

    www.voamari.com

    ResponderExcluir
  3. Ahh, adorei o Sofrida/Sou Frida! Nunca vi o filme mas já tinha lido sobre a vida dela. Gosto dos penteados traça+flor que ela usava. Deu vontade de assistir principalmente depois que você disse que eles mostram os quadros justificando seus temas apontando momentos da história, deve ter ficado bem legal.

    ResponderExcluir
  4. Ahhh, que post maravilhoso sobre a Frida! Assisti esse filme algumas vezes e ele é bem intenso, sempre acabo ficando muito pensativa. Peguei certo amor por artes quando trabalhava na Cultura, na sessão de livros de arte.
    Gostei muito do post, de verdade! Parabéns!
    Beijão

    ResponderExcluir
  5. Nossa, fiquei morrendo de vontade de assistir!!!! ♥

    http://brazilianvogue.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Os quadros da Frida são tão cheios de emoção ♥
    heysotam.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Já tinha ouvido falar dela, mas ainda não sabia a história e nunca vi o filme! Depois desse post deu uma vontade de assistir haha. As pinturas dela são bem intensas! Beijos ♥

    www.jaqueorrico.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Na verdade é meio que ignorância ter raiva do Diego, é dificil pra gente entender, mas eles sempre tiveram um casamento ABERTO e pra eles aquilo tudo foi normal. Exceto o Diego ter dormido com a Cristina. Mas traições acontecem, Frida sempre foi mais forte que tudo isso; querendo ou não, Diego foi um puta companheiro pra Frida.

    ResponderExcluir
  9. Sou apaixonada pela Frida, e suspeita em falar, algumas pessoas me achavam parecida com ela, (tinha monocelha - que era meu charme hahaha e quase sempre usava batom vermelho, rsrs) Meu sonho ir conhecer a casa azul dela no México (Museu Frida Kahlo) conheci ela na madrugada procurando por algo p assistir e me dei de cara com o filme, a partir daí comecei a perseguir sua história, e tentei encontrar o filme para comprar, mas nunca encontrava, até q um dia uma amiga me deu de presente! Amo essa filha da revolução! E sem dúvidas Diego foi o grande amor da vida dela, apesar de sua moderna abertura conjugal, a Cristina foi o cúmulo, como bem colocou a Jaqueline Moreira...

    ResponderExcluir

Só libero os comentários depois de lê-los ♥
Se tiverem alguma dúvida, perguntem que eu responderei por aqui mesmo! Obrigada pela visita ♥